sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Cat Café, uma experiência surpreendente

(Foto: Wolf at The Door)

Vocês ainda não sabem, meus 5.75 leitores, mas, durante o Verão, viajei até à Escócia, onde tive oportunidade de visitar as “Terras Altas” e Edimburgo, tema que aprofundarei num próximo post. Nestas andanças, dei de caras com um conceito que desconhecia totalmente: O “Cat Café”.
Que é, nada mais, nada menos, do que um café “normal” pejado de miaus fofinhos e ronronantes para nos fazerem companhia. Eu estive no “Maison de Moggy”, o primeiro do género a inaugurar em Edimburgo, e um dos poucos existentes na Europa, e posso vos dizer que adorei.


Apesar de não ser especialmente barato, já que a entrada custa cerca de sete libras [nove euros], a experiência vale mesmo a pena. É super tranquilo e relaxante, além de os miaus serem uma verdadeira delícia. Gatos siameses, persas, egípcios, existem para todos os gostos e feitios. E o dinheiro não deve ser dado por mal empregue, já que se destina a apoiar ONGs de resgate e adopção de animais sem lar. Se tiverem oportunidade, caso gostem de gatos, não podem perder, pelo que vos deixo uma lista da localização dos “Cat Cafés” espalhados pelo mundo. Infelizmente, em Portugal não existe nenhum, mas fica a sugestão. 

3 comentários :

  1. Que delícia. Adorava ir a um deste. nem sabia que existia. Ana M.

    ResponderEliminar
  2. Lisboa devia ter um. Beijinhos. Joana L.

    ResponderEliminar