terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Review do Lobo: Soul Sushi - O requinte do Oriente


Não existe noite mais perfeita para mim do que um jantar de sushi na companhia de amigos mega divertidos, que me façam esquecer o stress e as chatices do dia-a-dia. Por isso, no Sábado à noite, por iniciativa das cunhadas S. & S, a turma da barbatana [vulgo tropa fandanga do megulho] juntou-se num dos melhores japoneses da grande Lisboa: o Soul Sushi, em Almada.
Considero-me uma pessoa exigente e conheço os melhores restaurantes do género da capital, já que sou fã incondicional deste tipo de comida, sobretudo na sua versão mais tradicional [ainda não esqueci o saudoso Aya]. Por isso, as expectativas eram elevadas... e foram largamente superadas. Vocês não estão a perceber, meus 5.75 leitores. Fomos brindados com um verdadeiro jantar de degustação do que de melhor existe na gastronomia tradicional japonesa, aliado a um toque de fusão. Tártaro de atum e salmão; gunkans; tempura de camarão; hot sake; sushi, sashimi.... Cada prato mais perfeito do que o outro. A frase: "Ahhh, isto está divino", foi a mais ouvida da noite. No final, foi-nos oferecido um leque MA-RA-VI-LHO-SO de sobremesas, e só vos posso dizer que o gelado de gengibre é simplesmente imperdível. Ahh, isto para não falar nas soberbas sakerinhas de morango que fizeram as minhas delícias. A nível de preços, não é o japonês mais barato do mundo, nem poderia, já que os padrões de qualidade são muito elevados. O valor médio por refeição deverá rondar os trinta e cinco euros, mas vale cada cêntimo. Aconselho vivamente. Os apreciadores de comida oriental não podem MESMO perder o Soul Sushi. Palavra de #lobo. Experimentem e depois digam-me o que acharam. 

Fotos: Wolf at the Door 

Sem comentários :

Publicar um comentário