quinta-feira, 10 de julho de 2014

Review do Lobo # 3 - Em Estado Líquido

Sempre que alguém me convida para jantar no Estado Líquido, o Lobo parece uma foca a bater palminhas. Este é, sem sombra de dúvida, o melhor, e mais antigo, restaurante de Sushi de Lisboa. Dividido entre o Lounge, onde são servidos pratos japoneses tradicionais, e o Fusion, dedicado a um conceito mais contemporâneo de Sushi, consegue a proeza de satisfazer os aficionados deste tipo de comida, e de converter os que dizem que não gostam.
Seguramente, não é o restaurante mais barato da cidade, mas tem uma boa relação qualidade/preço, cerca de 30 euros por pessoa, já que os ingredientes utilizados são de excelente qualidade, nomeadamente o peixe, o que faz toda a diferença no sabor dos pratos. Pessoalmente, como sou grande adepta da gastronomia tradicional japonesa, prefiro o “Lounge”. Um dos meus pratos favoritos é o “Sushi Panado”. Simplesmente divinal. Acompanhado por uma boa caipirinha, é de ir às lágrimas. Aliás, só de pensar nisso já fiquei com fome. Terminada a refeição, é possível beber um copo no bar e relaxar ao som do DJ. Quem me dera que hoje fosse Sexta-Feira. Experimentem e depois não digam que o Lobo não é super híper mega amiguinho.

Sem comentários :

Publicar um comentário